A interactividade da Colheita63 em movimento contínuo para todo o Mundo e especialmente para Lisboa , Tomar , Monte Estoril , Linda-a-Velha , Setúbal , Coimbra , Porto , VNGaia , Braga , VNFamalicão , Santo Tirso , Afife , Vila Real , Vinhais , Bragança , Castelo Branco , Seia , Vendas Novas , Varsenare e Aveiro

quinta-feira, fevereiro 22, 2007

Um bom parceiro...

Ao remexer uns velhos papeis, que tinha guardados, encontrei um que me foi dado num campeonato de Bridge, já lá vão um par de anos. Por julgar manter-se o seu interesse, nem que seja para transmitir aos netos, aí vai uma forma de comportamento para quem gosta de se sentar numa mesa de tampo verde e que gosta de estar com os seus amigos disfrutando o prazer dum jogo de cartas.
" Saber ser um bom parceiro é meio caminho para ser um ganhador de bridge. Segundo Rixi Marcus, uma das melhores jogadoras de sempre,a atitude perante o parceiro é tão importante como o domínio da técnica. Fazer críticas, ser sarcástico, discutir leilões ou linhas de carteio, comentar os erros com os adversários ou ser mal educado só contribui para enervar o parceiro. Não esqueça que ele( ou ela) está do seu lado e tem tanta vontade de ganhar como você. Charles Goren dizia aos seus alunos " o bridge é para se divertir;não jogue por outra razão, nem por dinheiro nem para provar o quanto é esperto, nem para demonstrar que o parceiro é estúpido...
nem qualquer das outras milhentas razões que os jogadores de bridge inventam".
Quando estiver prestes a perdero controlo, levante-se da mesa e dê uma volta para arejar.Se não suporta o parceiro, arranje outro.
Afinal, o bridge não passa de um jogo !

1 comentário:

Hélder disse...

Belíssimo comentário.Isso aplica-se a tudo na vida....