A interactividade da Colheita63 em movimento contínuo para todo o Mundo e especialmente para Lisboa , Tomar , Monte Estoril , Linda-a-Velha , Setúbal , Coimbra , Porto , VNGaia , Braga , VNFamalicão , Santo Tirso , Afife , Vila Real , Vinhais , Bragança , Castelo Branco , Seia , Vendas Novas , Varsenare e Aveiro

quarta-feira, janeiro 12, 2011

O mesmo ódio.

(Gabrielle Giffords)

Sarah Pallin, candidata republicana, derrotada nas últimas eleições presidenciais americanas, tem desenvolvido, acompanhada pelo Tea Party, uma sistemática campanha de ódio contra os seus adversários políticos e todos os que manifestem ideias abertas e progressistas.
Este clima de ódio levou, seguramente, ao atentado de Tucson, onde a congressista democrata Gabrielle Giffords e mais 12 pessoas foram gravemente feridas e morreram, pelo menos, mais seis.
E qual o seu crime?
Defender os emigrantes mexicanos!
O mesmo ódio, a mesma causa, o mesmo desprezo por valores humanos.

Nota - Gabrielle Giffords continua internada, sendo o seu estado muito grave.

6 comentários:

IFFT disse...

Valores humanos!...
Que rica bandeira que é agitada sempre que interessa,desde que haja um ligeiro sopro de vento...

Anónimo disse...

Eu fui acusada de fazer juízos de valor sobre as pessoas que comentavam ou eram assunto de posts. Por duas vezes fizeram “delite” dos meus comentários e juram remover-me cada vez que me atrevesse a comentar alguns dos “vossos” posts (coloco “vosso” entre aspas porque o que me foi pedido foi exactamente “peço para não frequentar o nosso post”), continuando…o que eu leio neste, que estou a comentar, é um juízo de valor em relação à Srª Pallin! Eu até acho, pela apreciação do que leio na imprensa, é que ela é realmente hipócrita… A razão deste comentário é pois mostrar, não ao Duarte, mas ao HB que juízos de valor todos fazemos, e neste caso a diferença é que a Srª Pallin não é amiga! Portanto o post do Duarte não correrá o risco de ser eliminado !
Já sei, vou ser removida, mas paciência, porém até sei que HB não resistirá a ler-me e este post é realmente dedicado a ele.
Madalena Cabral

Duarte disse...

IFFT:

O que vale és tu para discordares, quase sempre, de mim!
Ainda bem para este blogue não ser "a voz do dono".
Mas, meu lindo, se em vez de Pallin, estivesse Chavez, já não refilavas!

A diferença é que eu tanto "gosto" da Pallin, como do Chavez!

Temos que resolver este "diferendo" com uma almoçarada!
Ando a prometer, mas um dia será, agora com as novas dietas...

Abração


Madalena Cabral:

Relativamente à Mrs. Pallin não faço juízos de valor.
O que digo, "a tal campanha de ódio", é baseado em notícias que leio nos jornais internacionais.
Se ler o NY Times on-line, por ex., também terá noticias dela.
Faço, portanto, juízos de realidade, o que é muito diferente.

Aliás, a Madalena Cabral, é que lhe chama hipócrita, no meu post não lê um único adjectivo referente a ela.

Mas repito, em relação aos meus postes e a mim, pode comentar como entender.
Por mim nunca será "deletada" como dizem os brasileiros.

Volte sempre.

mc disse...

E tenha-se em conta que a congressista Giffords já foi do Partido Republicano, sendo agora do grupo centrista do Partido Democrata. A sra Palin negou, hoje, ter qualquer influência na propagação de ódio que a política americana vem registando com a criação dos grupos Tea Party após a eleição de Obama.

*Depois que a GM falou nas musas espevitadas,termo delicioso!, parece que não tem havido descanso neste blog! Deleitemo-nos,então!

Anónimo disse...

Duarte,não vejo muito bem qual a diferença e parece-me que foi agora o D que não leu com suficiente atenção, eu escrevi: “Eu até acho, pela apreciação do que leio na imprensa…” mas bem, concedo que eu talvez deveria ter dito:” baseada no que a imprensa diz …” Ok, vou ter mais cuidado com os adjectivos… mas isso também se arranja!
É bom saber que neste blog há alguém que é contra a “pena capital”!

Anónimo disse...

Perdão, esqueci-me de assinar o post anterior.
Madalena Cabral